10 coisas que é preciso saber antes de viajar para o Japão

Aproveitando o espírito Olímpico e os preparativos para as próximas Olimpíadas de Tokyo 2020, vamos compartilhar as dicas de quem é nativo desse país. Já que muitos turistas vão programar uma viagem ao Japão daqui a quatro anos, nada melhor do que já ir se preparando e aprendendo mais sobre o país. Há muito poucos lugares que permitem a coexistência perfeita do tradicional e de um mundo hi-tech simultaneamente. Mais raro ainda é um país que foi completamente dilacerado pela guerra e ainda conseguir se reerguer para se tornar uma grande potência econômica. O Japão é isso e muito mais. Templos tradicionais e santuários vivem de forma pacífica com trens-bala de última geração, tudo em harmonia O Japão oferece algo para todos e com o seu grande coração, recebe a todos de braços largos. No entanto, há certas coisas que é preciso saber antes de embarcar em uma viagem ao Japão, visto que a cultura é mesmo muito diferente da ocidental. Confira as 10 coisas que é preciso saber antes de viajar para o Japão pelas dicas do site Rebates Zone:

Nova Imagem

10 coisas que é preciso saber antes de visitar o Japão

Quando ir

Para um viajante itinerante, todos os dias do ano é um bom dia para ir a algum lugar novo e aproveitar as glórias da natureza. No entanto, há certos momentos, em todos os países do mundo, quando dá para aproveitar melhor. A melhor época para fazer uma viagem ao Japão é na primavera, em abril. Este é o momento em que a Sakura e outras árvores frutíferas florescem e o campo se torna um lugar maravilhoso para se visitar. Para aqueles que preferem as temperaturas ligeiramente mais frias, a época ideal de visitar é no outono, entre outubro e dezembro.

Limpeza

Os japoneses têm um grande cuidado para assegurar que  as suas cidades se mantenham limpas. A limpeza é um dos princípios orientadores da vida no Japão e é muito presente em todas as partes do país em todos os momentos. Todos os estabelecimentos comerciais, incluindo restaurantes e lojas de conveniência, pedem aos clientes para tirar os sapatos antes de entrar no local, sapatos são considerados impuros por causa de sua constante contato com a sujeira ao longo do dia. Mesmo quando você for convidado a visitar uma casa japonesa, você vai ser convidado a tirar os sapatos,  e lhe será fornecido com chinelos de hóspedes.

O silêncio é uma virtude

Uma observação muito comum que o turista faz em uma viagem para o Japão é que a maioria das pessoas passa muito tempo em silêncio. Mesmo nos momentos em que alguém está falando, conversando, o tom de voz é baixo. Este conceito é muitas vezes difícil de entender para os estrangeiros que visitam o país, mas este é um modo de vida para o povo japonês, na verdade, ele pode ser considerado uma extensão do seu princípio de ficar limpo, já que consideram que o ruído alto é uma forma de poluição sonora. Os japoneses evitam a poluição sempre que possível.

Máscaras cirúrgicas

A primeira visão de pessoas usando máscaras cirúrgicas fora do aeroporto às vezes faz o visitante querer voltar, mas não há nada a temer. Estas máscaras são um método preventivo, o que é muito comum no Japão e que ajuda a evitar vírus como a gripe e bactérias causadoras de doenças. Os japoneses são um povo trabalhador que nunca faltam ao trabalho, a menos que seja absolutamente necessário, um resfriado comum não é motivo suficiente para impedi-los de ir trabalhar. Se você pegar um resfriado ou ficar doente no Japão, você deve ser respeitoso e usar uma máscara dessas. Os moradores locais irão respeitá-lo por isso.

Sem gorjetas

Em contraste com lugares como os Estados Unidos, onde é considerado um bom gesto dar uma gorjeta generosa, a gorjeta é considerada como algo rude no Japão, então você deve ser extremamente cuidadoso ao dar uma gorjeta. Muitas vezes, os garçons e motoristas de táxi não irão aceitar o dinheiro extra, pois é considerado uma espécie de propina. No entanto, a maioria dos japoneses nota que os estrangeiros não estão familiarizados com os seus costumes, por isso eles educadamente devolvem o dinheiro com um sorriso.

 

Banheiros luxuosos

Os japoneses gostam muito de banheiros luxuosos e quase todas as casas e restaurantes em todas as grandes ci-dades têm um. Estes banheiros podem tocar música, bem como verificar sua pressão arterial. Existem modelos que usam o ar quente para fins de secagem. É importante lembrar que toaletes japoneses não mantem papel higiênico, com exceção de alguns hotéis que lidam regularmente com os estrangeiros, por isso é sempre uma boa ideia para comprar alguns para si mesmo.

 

Dinheiro trocado

O Japão é em grande parte uma sociedade baseada no dinheiro, que acredita no poder de papel mais do que em transações eletrônicas. Quase sempre é preciso converter o dinheiro antes de usá-lo, por isso é uma boa idéia  converter em Yen antes de ir ao Japão para obter melhores taxas. O dinheiro é necessário para as coisas mais   simples, como pagar o almoço, por isso é sempre uma boa idéia para manter alguns trocados. No caso de você ficar sem dinheiro, é possível obter algum usando seu cartão de ATM (caixa eletrônico), no entanto, haverá  taxas de transação internacionais envolvidas.

 

Terremotos

O Japão é famoso por ter centenas de terremotos a cada ano, o que pode ser uma surpresa para os visitantes de primeira viagem, mas o que é mais importante a lembrar é que, mesmo que eles ocorram, o turista costuma não ter problemas. O Japão é o melhor lugar do mundo onde se pode estar no caso de um terremoto, já que o país emprega algumas das melhores técnicas e tem alguns dos mais altos padrões quando se trata de construção e arquitetura.

 

Kyoto x Tokyo

Mesmo Tóquio sendo uma grande metrópole moderna, não representa totalmente tudo o que o Japão significa. Um lugar melhor para obter um sabor do autêntico Japão é Kyoto. Kyoto é uma das mais belas cidades do mundo. A cidade é um centro para mais de 1600 belos templos que estão escondidos da vista de todos, e encontrar cada um deles é uma aventura em si. A cidade é ótima para os viajantes e uma das melhores maneiras de explorar é alugando bicicletas e pedalar pelas ruas até altas horas da noite.

 

Boas maneiras são importantes

As boas maneiras são a alma da vida no Japão. Os japoneses são muito educados, por isso, é justo tratá-los  da mesma forma. Vale a pena conhecer algumas palavras japonesas, como por favor, desculpe-me e obrigado. É  uma ótima idéia usar apenas os sapatos que você pode tirar facilmente, já que fará isso com frequência. Para estrangeiros, entende-se que eles não têm a familiaridade da língua, mas uma tentativa de conversação é vista com respeito.

 

Texto e fotos: Frank Lee

Anúncios

2 comentários em “10 coisas que é preciso saber antes de viajar para o Japão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s