africa, África do Sul

O que fazer em Joanesburgo, África do Sul

Joanesburgo, maior cidade da África do Sul, nasceu em 1886 por causa do ouro, e por causa dele floresceu. Foi a chamada “The great track”. Marcada pelo anos de segregação racial oficializada pelo Apartheid, sistema adotado de 1948 a 1994 pelos governos, infelizmente muitos dos problemas causados por esse regime são vistos até hoje, como a desigualdade social. Portanto, Joanesburgo tem áreas belíssimas e bem desenvolvidas, e outras menos favorecidas. Está a 1.753 metros acima do nível do mar,  outras grandes atrações próximas são Pretória (a 55km) e Soweto, ao sul. Confira O que fazer em Joanesburgo e suas atrações mais interessantes.

Joanesburgo, a maior cidade da África do Sul

As principais atrações turísticas de Joanesburgo estão espalhadas pela cidade, para conhecê-las, o meio mais utilizado ultimamente é o Uber,  para se deslocar de um ponto a outro.

O que fazer em Joanesburgo

 

Museu do Apartheid

Um dos museus mais interessantes que visitamos, onde a história da segregação racial é contada, desde a época anterior a colonização britânica. Já na entrada, somos transportados ao regime que por anos foi adotado no país, com entradas separadas para brancos e não brancos. O ingresso custa R85 (Rands) por pessoa.

O museu também conta toda a trajetória de Nelson Mandela, numa ala totalmente dedicada a ele. Não deixe de visitar as duas alas do museu.

No gift shop do museu, além de outros souvenirs, há livros sobre a vida de Mandela em português.

Gold Reef City

Um grande complexo de entretenimento com cassino, cinemas, parque de diversão e restaurantes faz desse lugar o maior parque temático da África do Sul. Está localizado numa antiga mina de ouro que foi fechada em 1971. Recriando a era da Corrida do Ouro, conta também com um museu sobre a história da exploração das minas em Joanesburgo.

Mandela Square e Sandton City Mall

Um dos pontos mais badalados e agradáveis de passear em Joanesburgo. Vários restaurantes reunidos nessa praça, que fica ainda mais bonita à noite, com luzes e fontes. A grande estátua de Mandela é uma das atrações.

Já o shopping Sandton City é o maior da África, um mundo em que é fácil se perder com tantas opções de lojas e praça de alimentação. Há uma passagem direta da Mandela Square para o shopping. Lojas como H&M, Zara, Woolworths, Guess, Victoria´s Secret, Incredible Connection e muitas outras podem ser encontradas ali. Sem dúvida, uma das melhores regiões para se hospedar em Joanesburgo é em Sandton.

Zoológico de Joanesburgo

Criado em 1904, o zoológico reúne 2000 animais de 320 espécies. Zebras, rinocerontes, até um gorila e um panda vermelho podem ser observados no museu. Ingressos a R80 (Rands)

Zoo Lake

Um grande parque arborizado com um lago central que dá ainda mais beleza ao lugar. Já serviu de palco para a bailarina Margot Fonteyn que dançou o Lago dos Cines no parque na ocasião do aniversário de 70 anos de Joanesburgo, em 1956. Entrada gratuita.

+Dicas essenciais para ir para África do Sul

 

Melrose Arch

Considerado um dos melhores lugares de Joanesburgo para ver e ser visto. Suas ruas são uma graça, com cafés, restaurantes descolados, boutiques e hotéis. Com design urbano, é ideal para curtir alfresco num bate papo descontraído, com tranquilidade e segurança.

Soccer City

Esse estádio de futebol existe desde 1989, mas foi parcialmente demolido e reconstruído para a Copa do Mundo de 2010, tendo sido transformado no maior da África. Seu formato é inspirado numa típica cerâmica africana. A agência Kobo Safaris promove city tours que passam pelo estádio.

 

Museu Hector Pieterson

Hector foi uma criança de 13 anos que foi assassinada durante protestos em Soweto durante os anos de Apartheid e que acabou se tornando símbolo de resistência. É uma das principais atrações da região.

Cavernas de Sterkfontein

Joanesburgo é habitada há milhões de anos, por isso é também conhecida como “Berço da Humanidade”. As Cavernas de Sterkfontein ficam a cerca de 45km de Joanesburgo. Ali, foi encontrado um esqueleto completo de um hominídeo de 3,3 milhões de anos de idade,  bem como 700 espécimes de Australopithecus africanus, dentre eles Mrs Ples, que tem entre 2,8 e 2,3 milhões de anos.  Há um complexo turístico que inclui um museu – além das cavernas – aberto para visitação. Para visitar todos os museus do complexo mais as cavernas, o valor do Combo é R190 (Rands).

(Foto: South Africa Adventures)

.

ORGANIZE SUA VIAGEM AQUI PELO BLOG:

Faça seguro aqui pelo Real Seguro

seguro_viagem_geral_300x250

Reserve hotel aqui pelo Booking.com

booking-com

Compre aqui Chip Pré Pago Easy Sim 4U

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s