Brasil, Paraty

O que fazer em Paraty

Acabamos de voltar de Paraty, cidade litorânea distante 258 km do Rio de Janeiro. Já estivemos lá algumas vezes, é um lugar para onde dá para voltar constantemente. Não só porque é super agradável e tem um centro histórico muito rico, mas também porque é comum ter várias atrações culturais acontecendo por lá, como a FLIP, Feira de Literatura Internacional de Paraty.

O post de hoje reuniu algumas dicas do que fazer num fim de semana ou 3 a 4 dias em Paraty, destacando alguns lugares diferentes que já visitamos por lá, e outros mais escondidinhos e super charmosos.

Matéria atualizada em maio/17

colagem certa

Passeio de charrete pelo centro histórico

Para contratar o passeio de charrete, basta ir até a praça principal do Centro Histórico. Em frente à Igreja Matriz, os guias de turismo, meninos nascidos em Paraty que tiveram aulas para poderem contar a história da cidade aos visitantes, ficam à espera dos turistas. Por 20 reais por pessoa eles levam para um passeio que dura cerca de 40 minutos por todas as ruelas de pedras irregulares no cenário Tombado pelo Patrimônio Histórico Nacional.  A charrete segue sem pressa dando uma excelente chance de admirar vagarosamente as belas fachadas coloniais. O guia explica a origem da cidade, sua importância histórica, os símbolos da Coroa Portuguesa e da Maçonaria, e nos mostra os principais casarões. É um passeio interessante mesmo para quem já conhece Paraty. E ainda é possível parar quantas vezes quiser para fotografar. Uma verdadeira volta no tempo!

2015-05-04 17_34_18
De charrete por Paraty
Portas coloridas, bouganviles delicados
Fachadas charmosas e bem conservadas

Visita a um alambique de cachaça

Os alambiques de Paraty são famosos e numerosos. Alguns ficam em grandes propriedades, em fazendas, e podem até mesmo incluir um restaurante e um museu. Outros, além de mostrar todo o processo de fabricação de uma cachaçaria, ainda têm lojas onde podemos experimentar e comprar a bebida. Nós visitamos o Alambique Paratiana, que fica um pouco afastado na Estrada da Pedra Branca km 1, n°1100. Já tínhamos pesquisado na internet antes e com o GPS foi fácil achar. Não é preciso pagar para entrar (alguns cobram a entrada). Uma vez lá dentro, somos guiados pela destilaria onde aprendemos como é feita a cachaça, até chegar na área em que inúmeras garrafas estão prontas. Podemos provar várias, é interessante ver a quantidade de sabores de frutas misturados à cachaça em licores que ficam bem gostosinhos e mais suaves do que a bebida sozinha. Quem quiser poder comprar na loja da Paratiana a cachaça da mesma marca na versão Prata ou Ouro, ou a Mulatinha, um outro tipo da bebida produzida ali que não passa por envelhecimento, é mais pura. Um passeio divertido e essa pequena degustação abre o apetite antes do almoço!

143
Alambique Paratiana
138
Barris de cachaça
colagem 2
Os toneis e a cachaça pronta

Almoço com cachoeira particular

Para chegar no pequeno paraíso que é o restaurante Villa Verde, siga pela estrada Paraty-Cunha até o km 7. Há placas no caminho indicando a localização. Ele fica um pouco escondidinho, pois para alcançar a propriedade, após estacionar o carro na frente do terreno na beira da estrada, é preciso atravessar uma ponte de madeira que passa por cima do Rio Perequê. Já dá para sentir o clima gostoso na chegada. Após a ponte, o verde da Serra da Bocaina toma conta do lugar, onde a bonita casa onde está instalado o restaurante se integra muito bem à natureza. Bem em frente a ela fica a cachoeira da propriedade, com grande piscinas naturais onde os clientes que vão para almoçar podem se refrescar antes ou depois de comer. Um programa para a tarde toda!

colagem villa verde

ftgd5065
Almoço integrado à natureza
114
Cachoeira com grandes piscinas naturais

Reserve hotéis em Paraty com cancelamento grátis aqui pelo Booking.com

booking-com

Pausa para o café

Paraty é tão charmosa que automaticamente nos convida a entrar em um de seus aconchegantes cafés para uma pausa. Se essa pausa for acompanhada de um livro, fica melhor ainda. Para isso, o endereço certo é o Café da Livraria das Marés, anexo a Pousada Literária de Paraty. A grande livraria nos recepciona e nos fundos dá mesma encontramos o belo Café, cheio de charme e estilo. A boa pedida é beliscar algo acomodado numa das mesinhas no jardim do café. Sob ombrelones, ao ar livre, o cair dá noite ali é encantador. Nossa dica é pedir o Cappuccino Orfeu e o trio de pastilhas, finalizando com a maravilhosa Torta Crok Noisette.

Café da Livraria das Marés

Caiaque e SUP na Praia do Jabaquara

Saindo do centro de Paraty, siga para Praia do Jabaquara que fica bem próxima, cerca de 2 km. Ela tem uma orla extensa com vários quiosques e um calçadão, um verdadeiro clima praiano. Lá você encontra uma ótima estrutura para atividades como andar de caiaque ou praticar stand up paddle (SUP). E como a praia aqui é bem calminha, o mar é perfeito para esses esportes. Fomos tranquilamente até uma das praias ao redor que fica mais distante e que é mais fácil chegar de barco ou caiaque. Uma delícia ficar um tempinho por ali em sua pequena faixa de areia e águas tranquilas. Também contornamos a Ilha dos Pássaros que fica em frente à Jabaquara, lindo visual. A dica é procurar a Paraty Explorer, que promove saídas de SUP, caiaque e trekkings pela região. Só não esqueça de passar protetor solar porque mesmo se tiver somente mormaço, enquanto ficamos no caiaque por 1 hora dá para se bronzear bastante.

085
O colorido dos caiaques de Paraty
foto7
Praia de Jabaquara: perfeita para SUP ou caiaque
9079467_orig
Passeios de SUP pela Ilha dos Pássaros com a Paraty Explorer

Passeio de saveiro

Existem muitas opções de passeio de saveiro em Paraty. É possível contratar um tour pelas ilhas principais lá mesmo na cidade, basta ir até o píer de onde saem os barcos e negociar na hora. Ou reservar antes, o que é sempre bom já que assim podemos pesquisar com mais atenção a melhor empresa, a mais segura, e o passeio com maior qualidade. E no centro da cidade (o centro de Paraty, e não o centro histórico), existem agências com várias opções de tours além dos marítimos, como passeios de jipe. Contratamos a Paraty Tours, que incluía 4 paradas em 2 praias e 2 ilhas. Dependendo do dia, as atrações do itinerário podem ser a Lagoa Azul, Ilha Comprida, Saco da Velha, entre outras, e cada parada tem 40 minutos de duração. O tour leva cerca de 3h a 4h, geralmente é feito na parte da manhã ou da tarde. Há paradas para mergulho e serviço de bar e restaurante à bordo. Como toda a região possui uma rica vida marinha, dá para ver bem os peixinhos nas paradas para “brincar” com snorkel e espaguetes!

DSCN0068
Passeio de escuna
066
O mar verdinho de Paraty
02
Muitos peixes a cada mergulho

Dica de hospedagem:

Uma das pousadas mais lindas e encantadoras da cidade é a Pousada Literária de Paraty. Membro do Virtuoso, foi eleita pela Condé Nast Johanses como a Melhor Pousada Urbana de 2015, faz parte da mesma rede de outras joias, como o Hotel Solar do Arco em Cabo Frio e Pousada Tankamana, em Itaipava.

.

ORGANIZE SUA VIAGEM AQUI PELO BLOG:
    Faça seguro aqui pelo Real Seguro

seguro_viagem_geral_300x250

    Reserve hotel aqui pelo Booking.com

booking-com

Compre aqui Chip Pré Pago Easy Sim 4U

Alugue carro no Brasil e exterior pelo Rentcars

,


11 comentários em “O que fazer em Paraty”

  1. Rosaly estava ansiando por esta matéria. Ela disse: -“SÓ A MONICA VAI ME MOSTRAR A VERDADEIRA PARATY” . Ela acha que seu olhos enxergam as ‘belezas mais belas’ dos lugares. Que elogio!

Deixe uma resposta