Roteiro de 2 dias em Montevideo: de Pocitos à Ciudad Vieja

Um giro rápido pelos principais pontos de Montevideo, capital do Uruguai, que pode ser feito por quem está só de passagem pela cidade a caminho de Carmelo ou Punta del Este, ou mesmo por quem vai passar um fim de semana nesse nosso simpático país vizinho. Confira o roteiro de 2 dias em Montevideo: de Pocitos à Ciudad Vieja.

Montevideo é mais conhecida pela sua rambla, o calçadão às margens do Mar del Plata. Essa é mesmo a parte mais charmosa da cidade. Mas existem outros cantinhos que valem ser explorados também. Já no centro da cidade, visitamos alguns pontos históricos da Ciudad Vieja com a agência Buemes DMC Uruguay, que realizada city tours com guias que falam português.

Roteiro de 2 dias em Montevideo: de Pocitos à Ciudad Vieja

Confira os principais atrativos de Montevideo

Primeiro dia:

Museu de Belas Artes Juan Manuel Blanes – Para quem não abre mão de visitar os principais museus locais quando viaja, comece o dia no Museu de Belas Artes. Além do belo prédio onde o museu está instalado, as obras do acervo são interessantes e tem um pátio interno que propicia uma agradável passeio.

Praia de Pocitos e o letreiro “Montevideo”- No trecho da Rambla chamado de República del Peru encontramos um dos pontos mais bonitos da orla de Montevideo. Uma paisagem panorâmica, agradável de se passear de manhã cedinho, no entardecer ou até mesmo à noite.

O charme a mais fica por conta do grande letreiro “Montevideo” (em frente ao hotel Hyatt Centric Montevieo), parada obrigatória para fazer aquele clique e levar de lembrança da cidade um cartão postal perfeito.

Bairro Carrasco – Seguindo pela Rambla, nos dirigimos para o bairro nobre Carrasco, o mesmo que dá nome ao aeroporto internacional. Basta seguir pela orla, do letreiro “Montevideo” leva cerca de 15 minutos de taxi ou Uber.

Nessa área, o melhor lugar para passear é a partir de um marco na capital, o Sofitel Montevideo Casino Carrasco & Spa, no trecho da Rambla chamado de República do México. O histórico hotel e cassino foi inaugurado em 1921, um símbolo de luxo na cidade. Décadas depois, entrou em decadência e foi fechado. Até que foi adquirido por empresários e passou a funcionar como Sofitel, tendo sido reaberto em 2013. Sua fachada é belíssima e imponente, assim como o interior. O lobby chama a atenção com seus belos lustres e é onde fica a entrada para o cassino.

Saindo pelas portas dos fundos do cassinos o passeio continua pelo simpático bairro, com cafés e restaurantes charmosos e um pequeno shopping ao redor de uma pracinha. A igreja Stella Maris é graciosa e compõe o local, que parece mais uma pequena cidade dentro de Montevideo. Um dos restaurantes mais famosos e recomendados da cidade fica nesse miolo, o Garcia Carrasco. Pode ser uma boa parada para almoço.

Parque Rodó – Separe algumas horinhas para passear por esse parque. É um dos mais bonitos da cidade. O lago central do Rodó se destaca, com pedalinhos para os moradores e turistas poderem curtir, e alguns cafés ao redor.

Muito arborizada e com vários caminhos possíveis dentro do parque, aos finais de semana ele fica ainda mais animado e atraente graças a uma feirinha artesanal.

Plaza de la Armada (ou Plaza Virgilio) – Um dos pontos altos da visita à capital uruguaia foi conhecer a Plaza de la Armada, que fica na costa e nos oferece uma vista geral da orla.

É um ótimo point para ver o pôr do sol, que é muito bonito (esse é um programão já que o pôr do sol no Uruguai é um dos mais incrivelmente lindos que já vimos).

Além do belo jardim, chama a atenção a escultura do artista hispano uruguaio Eduardo Yepes.

+ Onde ficar em Montevideo: Hyatt Centric Montevideo

Segundo dia:

Mercado de Montevideo – Muito comum em cidades latinas ter um mercado com vários restaurantes e atrativos para os turistas. Em Montevideo não é diferente. Comece o passeio nesse segundo dia no Mercado de los Turistas, almoçamos no tradicional El Peregrino e visitamos algumas lojinhas que vendem ótimas marcas de alfajor, chocolates, azeites e vinhos.

Plaza Zabala – O passeio a partir desse ponto vai mapeando a Ciudad Vieja, onde está o centro antigo de Montevideo, com alguns marcos históricos. Essa praça era onde ficava a antiga Casa do Governo, é pequena e simpática, com alguns prédios de época ao redor.

+ Carmelo Resort & Spa no Uruguai

+ Compras em Montevideo pagando em reais

Rua Sarandi – Uma tradicional rua de Montevideo, com destaque para a bela Librería Más Puro Verso.

Sua fachada chama a atenção com grandes janelas de vidro, no interior funciona também um café e um restaurante.

Puerta de la Ciudadela (portal da Ciudad Vieja) – Nesse local a cidade teve sua origem, fundada em 1742. O Uruguai nasceu da disputa entre Portugal e Espanha pelo território do Rio da Prata.

Nessa área da Ciudad Vieja, o portal é um marco dentre outros vestígios da época da colonização do país.

Ao passear pela cidade velha, passe pela Plaza Constituicion, a mais antiga da capital do Uruguai, que fica bem no centro em frente à Catedral Metropolitana.

Teatro Solís – Um ícone da cidade, esse teatro data de 1856 e já apresentou grandes óperas mundialmente conhecidas. Com visitas guiadas, é um dos pontos em que a agência Buemes DMC nos levou para conhecer na CIudad Vieja. Uma curiosidade, o nome do teatro é uma homenagem ao descobridor do Rio da Prata, Juan Días de Solís.

Plaza de la Independência – Ao passar pela Puerta de la Ciudadela já vamos nos afastando da cidade velha. Encontramos então a Plaza de la Independência, que faz a ligação entre a “cidade velha” e a cidade nova”. Essa praça dá início a maior avenida do país, a 18 de Julho. Grandiosa, está cercada de prédios imponentes modernos e antigos, despontando na paisagem o edifício do Palacio Salvo que data de 1928. Com 95 metros, durante muitos anos foi o prédio mais alto da América do Sul.

Quando chegamos nessa praça já estava perto da hora do pôr do sol, encerrando esse segundo dia de passeio e emendando com um jantar caprichado na capital. É muito fácil caminhar à pé por todos esses pontos da cidade velha.

*Dica de onde jantar em Montevideo

Tivemos oportunidade de conhecer alguns excelentes restaurantes na capital uruguaia, principalmente os especializados em parrilas (carnes). Perto do nosso hotel Hyatt Centric Montevideo, na rua transversal à Rambla Republica del Peru, a Av. Herrera, uma série de restaurantes um ao lado do outro fazem dessa área uma das melhores para jantar. Escolha um deles para o jantar da sua primeira noite na cidade.

Na segunda noite, destacamos o restaurante Francis, em Punta Carretas, um bairro nobre de Montevideo. Nesse restaurante os pratos são muito bem servidos e a variedade grande. O menu oferece de massas à frutos do mar e até carré, sem esquecer, é claro, excelentes cortes de carne. No Francis experimentei a melhor sobremesa até então provada no país onde já estivemos duas vezes. A mousse de doce de leite é para comer rezando!

.

ORGANIZE SUA VIAGEM AQUI PELO BLOG:

Faça o seguro viagem aqui 

Reserve hotel pelo Booking.com

booking-com

Compre aqui chip Internacional 

Confira ofertas de Passagens Aéreas

Alugue carro no Brasil e exterior com Rentcars

Compre ingressos para principais atrações do mundo


Anúncios

2 thoughts on “Roteiro de 2 dias em Montevideo: de Pocitos à Ciudad Vieja

Deixe uma resposta